O que é Lugol e para que serve? | BioVidaNatural

O que é Lugol e para que serve?

Publicado: 29/03/2018


O que é Lugol? Trata-se de uma solução para repor e suprir deficiências de Iodo. Em determinados casos, acaba sendo fundamental para o desempenho do metabolismo. É um produto natural que, em sua fórmula original e concentrada, é composto por Iodo Estabilizado e Iodeto de Potássio, o que acaba contribuindo em sua popularização entre profissionais de saúde para a indicação no tratamento e prevenção de diversos casos de escassez de Iodo no corpo humano.


O Lugol é bastante conhecido como um suplemento natural para problemas causados pela Tireóide. Sem a quantidade de Iodo necessária, a Tireóide apresenta dificuldades na produção dos hormônios que contribuem para uma vida saudável. Quando isso ocorre, a ausência do Iodo pode ocasionar Hipertrofia da Tireóide. Ou seja, há um crescimento excepcional para tentar compensar ou equilibrar o elemento no organismo.


Em situações assim, em que há insuficiência de Iodo, é frequente que o bócio cresça em tamanhos desproporcionais, iguais ou maior que uma laranja, por exemplo, na localização logo abaixo do queixo. Também há possibilidade de consequências igualmente sérias, como abortos prematuros. Por isso, existe a associação natural do Lugol com os tratamentos relacionados com a Tireóide.

O que é Lugol e seus outros benefícios


Sem dúvidas, há um ganho para o tratamento de insuficiência de Iodo. Entretanto, o uso do Lugol extrapola os casos de problemas com a Tireóide e promove benefícios para demais situações. Para saúde, o produto natural tem contribuído ativamente não só com funções curativas, mas igualmente no equilíbrio do Iodo no organismo para desenvolver diversas atividades, mesmo naqueles que não sofrem com a escassez do mineral.

lugol

Em nossa solução de Lugol, as pessoas conseguem encontrar mais qualidade de vida e saúde, a partir dos seguintes benefícios:


  • evolução e melhorias na acuidade mental e visual;

  • diminuição de sintomas de dores corporais, trazendo alívio de forma geral;

  • tratamento e abrandamento dos sintomas de dores específicas nas juntas corporais;

  • tratamento de hipotireoidismo e hipertireoidismo;

  • otimizar a regeneração celular do cérebro;

  • aumentar os cuidados na gestação;

  • estimular a capacidade intelectual;

  • combater os problemas relacionados com a falta de Iodo, como as Síndromes Degenerativas;

  • impulsionar positivamente a energia do corpo.

Quem deve utilizar Lugol?


Agora que você conhece o que é Lugol, deve estar querendo saber quem pode usufruir dos benefícios. Primeiramente, como falamos, a solução traz inúmeras melhorias para diversas atividades do organismo, desde físicas até mentais. Porém, mesmo sendo um suplemento que a grande maioria não possui restrições de uso, há alguns testes que são indicados por precaução.


O Lugol, por ser um suplemento natural, raramente apresenta circunstâncias que desaconselham seu uso. Pelo contrário, muitos médicos têm incentivado a adoção da solução na rotina de saúde dos pacientes. No entanto, recomendamos que se faça um teste próprio para detectar possíveis alergias, já que, por característica intrínseca, o Iodo é o que chamamos de alergênico. Reforçando que, ainda assim, é incomum que as pessoas sejam intolerantes ao uso.

Testes naturais de prevenção alérgica e escassez de Iodo


O conhecimento de o que é Lugol é essencial justamente para garantir que seu uso seja benéfico e não o inverso. O teste que detecta alergias é considerado bastante simples, pois pode ser realizado a partir da aplicação de uma ou duas gotas da solução numa área interna do braço ou antebraço, preferencialmente a com superfície mais lisa. Depois, deve-se espalhar o produto somente naquela região. As reações adversas costumam ocorrer em poucos minutos e causam os sintomas de coceira e vermelhidão concentradas no local. Mesmo que seja algo difícil de acontecer, é aconselhável realizar o teste de prevenção.


Há mais um teste natural que identifica se há necessidade de Iodo no organismo, mesmo que isso não impeça o uso do Lugol para adquirir os demais benefícios, e que pode ser feito sem auxílio externo. Com um cotonete ou pincel, você pintará uma área de 10 centímetros na região da barriga ou tórax. Faça a observação por um dia. Se a coloração desaparecer antes de completar 24 horas, o Iodo foi absorvido. O que pode significar que a Tireóide está precisando mais da substância.


Em ambos os procedimentos, de alergia e deficiência do mineral, é necessário sempre consultar um profissional de saúde para aconselhar, tirar dúvidas e determinar a dosagem conveniente para o seu caso.


Qual a composição do Lugol e como usar?


Já identificamos o que é Lugol, suas vantagens, quem pode utilizar e os testes aconselhados para utilização e acompanhamento da saúde do organismo. Agora, entraremos um pouco mais na composição da solução. Oferecemos três opções: Lugol 7%, Lugol 5% e Lugol 2%. Todos têm como função a reposição do Iodo, ação contra distúrbios e melhorias na qualidade de vida. O que muda é a fórmula e a dosagem.


Quais as sugestões de uso? A recomendação que divulgamos é a estabelecida pelo Dr. Michael B, Schachter, na qual a dose de Iodo, quando há insuficiência, deve ser de 12,5 até 50 mg diárias. No Lugol 5%, duas gotas alcançam a quantidade de 12,5 mg de Iodo e Iodeto.


A sugestão de utilização é precedida fortemente pela recomendação: faça uma avaliação com seu profissional de saúde. Contudo, uma dose que está no limite da segurança são duas gotas diluídas na própria água durante uma vez ao dia. Lembrando que em qualquer reação suspeita a ingestão deve ser descontinuada e o médico que indicou o tratamento precisa ser notificado para estudar o ocorrido.


Neste artigo, trouxemos informações básicas da solução: o que é Lugol, benefícios, fórmula, quem pode e como usar. Para mais dicas e dados sobre nossos produtos, consulte nosso site e nosso blog.


Quer saber alguma informação mais específica? Sugerir um assunto? Entre em contato conosco!

Voltar